Bem-Vindo à CLINIPOUSOS | Tudo por um Sorriso Perfeito

VEJA OS

NOSSOS SERVIÇOS


Cirurgia Oral

A cirurgia oral é área da medicina que dentária que abrange desde cirurgias mais simples, como a exodontia de um dente até tratamentos cirúrgicos mais complexos como a exodontia de dentes do siso, inclusos, ou regeneração óssea.


Dentisteria Operatória

É a área da Medicina Dentária que trata lesões dos dentes, como cárie dentária, fraturas, alterações de cor e forma. Desta forma, conseguimos devolver a anatomia e saúde dentária através de uma restauração direta.

A dentisteria, não só restabelece a aparência natural do dente, como contribui para a melhoria das funções orais.


Endodontia

A endodontia é a área da medicina dentária que realiza o tratamento dos canais dentários.

O dente é constituído no seu interior pela polpa dentária e canais radiculares, vulgo “nervo”.

As dores agudas de causa dentária, estão frequentemente associadas a inflamações da polpa dentária, ou seja, patologias no interior dos canais dos dentes. Saber mais


ESTÉTICA

A Estética é uma exigência da sociedade atual. Os pacientes procuram cada vez mais tratamentos conservadores, e com uma "aparência natural e bonita". Graças aos últimos avanços na Medicina Dentária, é possível branquear, restaurar dentes fraturados ou mal formados, mascarar dentes manchados ou pigmentados e mesmo mudar a forma ou fechar espaços interdentários, usando materiais da mesma cor e aspeto do dente.


Implantologia

A reabilitação dentária de zonas desdentadas é conseguida de uma forma semelhante aos dentes naturais através de implantes dentários, que funcionam como a raíz do dente.

Assim, através de técnicas cirúrgicas simples, conseguimos recuperar zonas desdentadas com tratamentos fixos e o mais próximo do natural. As reabilitações com implantes dentários podem ser unitárias, caso existam ausências pontuais de dentes ou até mesmo reabilitações completas, no caso de desdentados totais. A disponibilidade óssea é fundamental para a realização de implantes dentários.


ODONTOPEDIATRIA

A Odontopediatria é a área da Medicina Dentária que se dedica ao tratamento de bebés, crianças e adolescentes, promovendo o seu bem-estar físico e emocional na consulta, de forma a garantir a saúde oral na idade adulta. A primeira ida ao dentista deverá ser por volta dos 6meses, ou após o nascimento do 1º dente de leite.

A dentição de leite inicia a sua erupção aproximadamente por volta dos 6 meses estando praticamente concluída em média pelos 2 anos. Durante este período é de ressalvar o acompanhamento dos pais na higiene oral dos filhos e se necessário, marcar consulta com um especialista para melhor aconselhamento e orientação nas técnicas de higiene oral.


OCLUSÃO

A Oclusão é a área da Medicina Dentária que se dedica à correção da relação do maxilar superior com o inferior, e destes em relação aos dentes, músculos, gengiva, osso, ligamentos e articulação têmporo-mandibular. Pacientes com problemas de oclusão podem evidenciar dores de cabeça, de músculos e de pescoço, bem como problemas de postura. Normalmente os dentes destes pacientes encontram-se desgastados (bruxismo) e sensíveis, podendo haver recessões gengivais.


ORTODONTIA

A Ortodontia é a área da Medicina Dentária que se dedica ao diagnóstico, prevenção e tratamento de dentes mal posicionados, e de malformações dos maxilares.

O tratamento ortodôntico é crucial para uma melhoria de higiene oral e maior eficácia mastigatória, favorecendo também a fonação e a respiração. Após um tratamento ortodôntico existe uma melhoria na estética dentária e facial. É um tratamento que pode ser realizado em crianças e adultos.


PROSTODONTIA Removível (Esqueléticas e acrílicas)

A prostodontia removível está relacionado com a substituição dos dentes e estruturas contíguas, de pacientes parcial ou totalmente desdentados, por aparelhos artificiais que se podem remover da boca. Estas podem ser:
Próteses removíveis acrílicas: As próteses acrílicas são realizadas de uma resina acrílica, biocompatível com os tecidos orais e permitem uma reabilitação estética, funcional e mais económica.
Próteses removíveis esqueléticas: são próteses removíveis que têm como conceito funcional e biológico, as forças mastigatórias serem exercidas sobre os dentes remanescentes e a mucosa oral. Apesar de removíveis, são próteses mais confortáveis e estáveis do ponto de vista retentivo, porque apresentam ganchos bem adaptados aos dentes adjacentes e implicam um maior respeito pelas estruturas biológicas, dentes e gengivas próximas da prótese.


PROSTODONTIA Fixa

Prótese Fixa sobre dentes: As próteses fixas sobre dentes podem ser unitárias, reabilitando apenas um dente muito destruído e/ou recuperando-o após desvitalizado. Mas, também podem ser para substituição de ausências dentárias, recorrendo a pontes sobre dentes, incluindo assim 2 ou mais dentes.

Prótese Fixa sobre implantes: Os implantes dentários são a forma mais semelhante ao natural de de substituirmos os nossos dentes. A recuperação de um paciente desdentado parcial ou total pode ser conseguida através de tratamentos com próteses fixas sobre implantes, desde que estejam reunidas condições que permitam este tratamento.


Periodontologia e Higiene Oral

A periodontologia é a área da medicina dentária que estuda as estruturas de suporte do dente, gengiva, ligamento periodontal, osso e a raiz do dente. É uma área muitas vezes negligenciada, porque este tipo de patologia não provoca dores agudas, manifestando-se muitas vezes numa idade mais avançada com a perda dos dentes. A Periodontite, patologia conhecida pelas gerações mais antigas como “Piorreia”, é a doença que está associada à perda do osso de suporte dos dentes e infecção das gengivas que tem como consequência, aumento da sensibilidade dentária, recessão gengival (dentes com raízes expostas), mobilidade dentária, mau hálito e sangramento gengival.

A higiene oral é um dos pilares da Medicina Dentária. A prevenção da maioria das doenças que afetam a cavidade oral começa com uma boa higiene. Se houver uma manutenção dos cuidados de higiene oral e fizer uma consulta de controlo de 6 em 6

meses, vai conseguir ter dentes e gengivas saudáveis. Desta forma, vai evitar a acumulação de placa bacteriana e tártaro e prevenir as principais causas de cárie dentária e doença periodontal.